33ª Recolha de Entrevista

 

Only with permission

Rights reserved - Free access

Quota MS_0007 Europeana Sounds

BI: Marta Portugal Dias nasceu em 1981 em Lisboa. É uma bailarina, coreógrafa e pesquisadora de danças romenas ciganas.

Licenciada em Dança (Criação e Interpretação) pela Escola Superior de Dança de Lisboa no ano de 2010, iniciou a os seus estudos como autodidata dez anos antes.

Interessada pela dança do Médio Oriente, viajou por vários países, como a Turquia e Marrocos.

Na Roménia, actuou no Festival Tábor Cygánifolklór. Aprendeu romeno e viajou várias vezes para a Roménia. Estudou Roman Havasi (dança cigana turca) em Istambul, com Reyhan Tuzus, e Dança Cigana russa, com Pétia Lourtchenko, em Lisboa e Paris.

Nesta recolha fala do início da sua aprendizagem em dança cigana, em diversos festivais e junto de várias comunidades ciganas da Roménia, da experiência que foi viver na casa da família de um dos membros da famosa banda romena Taraf de Haidouks, das diferenças coreográficas, instrumentais e de repertórios nas variadas comunidades ciganas que conheceu e de qual dessas comunidades, com que conviveu na Roménia, está em maior número em Portugal (nomeadamente na cidade de Lisboa), da importância de uma maior abertura programática no Festival Todos (Caminhada de Culturas), que ocorre sobretudo em Lisboa (entre as zonas do Intendente e Poço dos Negros), na falta de incentivos para a difusão de práticas coreográficas e performativas regulares com este cariz em palcos, ou no Conservatório de Dança ou Escola Superior de Dança, fundamentalmente por ainda serem, por cá, uma novidade, de alguns dos workshops que dá e de algumas características comportamentais da comunidade cigana ligada à música e às artes performativas e de espectáculo, e da comunidade portuguesa no geral, etc.

© 2012 Marta Portugal Dias à conversa com Soraia Simões, Perspectivas e Reflexões no Campo

Edição, Pesquisa, Texto, Som sem edição: Soraia Simões

Fotografia: Mónica Roncon